Em 2017, todos na luta contra a retirada de direitos. Todos em defesa do SITSESP


    Reunião na Fundação CASA sobre as demandas das psicólogas e assistentes sociais
    Autor: sitsesp
    23/10/2017



    Hoje, (23/10), na sede da Fundação CASA foi realizada reunião, sobre as demandas do trabalho de psicólogas e assistentes sociais da instituição. Participaram da reunião o presidente do Sitraemfa/SITSESP, Aldo Damião, e os diretores do sindicato Helena Machado, Edson Brito e a dirigente sindical do SinPsi Ângela. Pela Fundação CASA estavam presentes o diretor técnico Adilson Fernandes, superintendente de saúde Vera, e a gerente psicossocial Noeli.

    A direção do sindicato falou da dificuldade dos centros em relação a estrutura para o atendimento psicológico semanal, com falta de salas adequadas para o atendimento psicológico individual, atendimentos realizados em espaços impróprios (sigilo comprometido), falta de recursos humanos (Funcionários AAS), para acompanhar os atendimentos, falta de computadores para os relatórios e registros.

    Sugestão do sindicato: Que se façam os atendimentos psicológicos alternados: semana do psicólogo, semana do assistente social; desta forma, garantindo o atendimento semanal ao adolescente.

    Encaminhamento: A Fundação realizará discussão da sugestão, com devolutiva em próxima reunião.

    Para o atendimento psicológico em grupo, a gerente Vera, reafirma que este tipo de atendimento é ferramenta do psicólogo e solicita, que quando se utilizar desta ferramenta, que o psicólogo responsável, notifique individualmente o desenvolvimento e participação de cada adolescente, na pasta/psicologia.

    Na flexibilização de horário, para os encaminhamentos do trabalho psicossocial, o diretor técnico Adilson informa, que já descentralizou essa demanda, ficando a cargo dos gestores dos Centros, autorizar as flexibilizações necessárias, para o bom andamento do serviço.

     Para o Sistema informatizado, a gerente psicossocial Noeli, informou que já está sendo estudado, formas para agilizar todo o SIG.

    Encarregadas Técnicas- Vera informa que está aumentando o interesse de assistentes sociais e psicólogas em assumir as encarregaturas dos centros, mas que encarregadas com outras formações, continuaram atuando nas gestões, dentro do perfil adequado a compreensão do trabalho.

    Supervisão Técnica- A diretoria técnica estará fazendo um trabalho com as supervisões técnicas, para aproximação com os setores psicossociais dos centros.  

    Instrumental de Notificação de Violência: Adilson informa que refizeram a forma de encaminhamento deste instrumental, a fim de garantir mais sigilo.

    Agenda Multiprofissional dos Adolescentes, priorizando os atendimentos psicológicos: A diretoria técnica reforça que todos os Centros, devem construir as agendas, incluindo os  atendimentos psicossociais semanais.

    Adulteração de relatórios técnicos: Situações pontuais, já em tratativas na diretoria técnica.

    Devolutiva das Rodas de Conversa no CRP: Encaminhamento conjunto da Fundação CASA, sindicatos com o CRP. A superintendente Vera, já está construindo com o CRESS, encontros regionais no Estado.

    O Diretor Brito explana a importância das equipes de referência, nos Centros, para melhor contribuição de todos os setores na ressocialização dos adolescentes, reafirma a dificuldade de ressocialização de alguns grupos de adolescentes e jovens, mais resistentes as intervenções socioeducativas, que infelizmente apresentam um maior envolvimento no meio delitivo e que se faz necessário, nestes casos, novas estratégias de enfrentamento a está problemática.

    ETJ: A diretoria técnica vê com preocupação, o grande número de solicitações de avaliações pelas equipes do juízo. Sugestão do Sindicato: Aproximação e construção com CRP, CRESS e poder judiciário.

    Semiliberdade: Foram tratadas pautas especificas de dois Centros de semiliberdade, da cidade de SP, onde se tem queixas de assédio moral e aplicação indevida da Portaria 070, como forma de punição. A superintendente de saúde Vera, e a gerente psicossocial Noeli irão pessoalmente nestes lugares para averiguar a situação e darão devolutiva.

     Foi informado ainda pela Diretoria Técnica, que o poder judiciário, continua com queixas em relação aos relatórios técnicos encaminhados aos magistrados. A sugestão do Presidente do Sitraemfa, Aldo Damião, seria a realização de seminário de capacitação, com todo o sistema de garantia de direitos (FC, CONANDA, CRP, CRESS, CONASSES, Poder Legislativo e outros).

    Está foi a primeira reunião de discussão das demandas do psicossocial, onde conseguimos tratar as principais questões da categoria. No decurso da reunião, percebemos que o novo Diretor Técnico, Adilson Fernandes, estava atento a toda pauta, nos parecendo estar disposto aos enfrentamentos e soluções das demandas apresentadas, fechando o compromisso de analisar todas as questões apontadas e nos dar uma devolutiva.