Em 2017, todos na luta contra a retirada de direitos. Todos em defesa do SITSESP


    Sindicalista é reintegrado pela justiça do Trabalho
    Autor: SITSESP
    25/11/2017



    O diretor do SITSEP/SITRAEMFA, Patrick Morales há dois anos foi demitido pela Fundação CASA, por perseguição política. O departamento jurídico do sindicato entrou com ações contra a instituição, que nesta semana foi condenada em primeira instância a reintegrar com pagamento de todos os benefícios.

     Para o servidor essa foi uma resposta a altura. “A justiça tarda, mas não falha”, ressalta Morales, que acredita que sua demissão foi motivada por promover ações trabalhistas e ser combativo dentro da Instituição.

    O servidor foi demitido pela Fundação CASA acusado de não ter realizado concurso público. (sic) E através de perícia grafotécnica foi comprovada assinatura de Patrick, por perito nomeado pela Justiça do Trabalho.

    Foram dez anos de sua vida que o servidor dedicou a Instituição, mas ao lutar por direitos e brigar pela segurança no local de trabalho, Patrick foi perseguido e demitido. “Como sindicalista é uma satisfação muito grande, gostinho de vitória sabe, justiça foi tarde, mas não falhou”. Ressalta. Hoje, Patrick tomou novos rumos em sua vida profissional e não sabe se irá retornar a Instituição.